24 de fevereiro de 2015

Internamento. Gravidez. Medo. Prematuridade.

Apesar do repouso em casa, algo me dizia que o que andava a sentir não era normal, passadas umas horas da foto da praxe das 33 semanas, rumamos às urgências. O meu “eu” dizia-me para ir, quanto mais não fosse por precaução e nesta fase da gravidez não me permito descuidar de nada. Mas nunca pensei que o resultado fosse o internamento. Nunca. Não sou a pessoa mais forte do mundo, e na altura quando percebi que não iria dormir a casa bloqueei. Bloqueei por pensamentos mais ou menos fúteis, bloqueei com dor no peito de ter deixado o meu Diogo em casa sem um beijinho. Sem um daqueles xi’s que me aquecem a alma e o coração. Bloqueei porque não tinha nada preparado para a chegada do pequeno príncipe Dinis, além da primeira roupinha não tinha mais nada. E que raio de mãe seria eu se não escolhesse e não preparasse a mala com o amor e carinho que tinha feito para o Diogo dois anos antes. Os dois merecem o meu amor na mesma medida, e na minha cabeça eu estava a falhar com este pequeno grande amor. Como é que eu ia preparar a sua chegada e viver a “minha barriga” fechada entre quatro paredes? Bloqueei com as hormonas que não me deixavam pensar, e me confundiam os pensamentos.
Claro que ao mesmo tempo, o nosso coração de mãe nos faz esquecer (ou atenuar) grande parte destas coisas e nos foca no essencial: eu tenho de fazer de tudo para que o Dinis permaneça no quentinho da mamã o máximo de tempo possível. Repouso absoluto. Injeções para a maturação dos pulmões. Medicação e mais medicação. Tive mil e dois pensamentos que me assombraram as primeiras noites, medo, tanto medo que não sei explicar. Podem dizer muita coisa, que com 33 semanas já está um bebé “confortável”, que isto e que aquilo, que há muitos casos de sucesso, e que isto e que aquilo,… mas também há os “não sucessos” … e na minha cabeça só entoam as palavras “O Dinis está pequenino, precisa de crescer mas crescer na barriga da mamã,…” e é isso que eu desejo, que o Dinis esteja bem e que cresça mais umas semaninhas na barriga da mamã. Por aqui, depois do enorme susto, entramos em modo repouso absoluto. Entramos em modo Dinis. E cada dia conta.

33 comentários:

  1. Oh ML!!! Então o malandro está mesmo com pressa! Cada dia conta, é verdade e não tarda já estás nas 34 semanas e depois nas 35 e por aí fora! Calma e muita força. Ficar internada tanto tempo não deve ser o melhor do mundo mas é uma excelente causa e o teu Digo tem quem cuide bem dele! Força e que tudo corra bem!

    ResponderEliminar
  2. E cada dia vaia passar, tranquilo até pelo menos às 37 semanas, senão for mais. Tenho uma amiga que foi internada às 24 semanas e com repouso aguentou até às 40.
    Tudo a correr muito, muito bem. E juízo.

    ResponderEliminar
  3. As melhoras, cuida de ti e do teu Dinis :)
    beijinho*

    ResponderEliminar
  4. Um beijinho grande e muita força! Descansa o máximo que conseguires para o Dinis ficar no quentinho mais umas semanas. Beijinho

    ResponderEliminar
  5. Vai correr tudo bem...vais ver! Muita força e muito muito descanso ;)

    ResponderEliminar
  6. Muita força! De facto não deve ser nada fácil, mas aconchega-te só aos pensamentos positivos e pensa que na altura certa estarão os quatro juntos! :) Estas semanas até à altura ideal vão passar rápido a vai correr tudo bem!

    ResponderEliminar
  7. Vai correr tudo pelo melhor. É o que desejo do fundo coração. Muita força,sim?

    Beijo grande :*

    ResponderEliminar
  8. Obrigada pelas palavras a todas. Felizmente hoje já estou na minha caminha, no meu mundo. Com vigilância apertada mas no meu mundo! O que sabe sempre bem e é uma lufada de ar fresco.

    ResponderEliminar
  9. Ando a acompanhar o teu blog em silencio, mas estas palavras tocaram-me...
    Vai tudo correr bem minha querida! Vais ver que o Dinis vai manter-se ai dentro por mais umas boas semaninhas...

    Um grande beijinho com muita força. Tenta não stressar :) Relaxa, alimenta-te bem e vai dando miminhos ao teu Diogo sem fazeres esforços alguns!

    ResponderEliminar
  10. Força... uma dia de cada vez...
    Um beijinho grande ;)

    ResponderEliminar
  11. :) Que bom que estás em casa! Que valente susto!!! É verdade que o risco não passou ainda, mas é animador estares no teu cantinho...
    Espero que o repouso desanime o Dinis de sair do quentinho para já ;)
    Muito e bom descanso para a mamã! Beijinhos grandes

    ResponderEliminar
  12. Muito cuidado, bastante repouso ele tem chegar as 37 ,agora estas no teu mundo :)

    ResponderEliminar
  13. Vai correr tudo bem. Muito repouso que de certeza que o Dinis vai ficar mais umas semaninhas no quentinho. Que nasça em Abril que é um mês muito especial :)

    Estou a torcer por vocês

    beijinhos

    ResponderEliminar
  14. Um Mundo a Três, o mês previsto para o Dinis é abril e vou fazer tudo para que seja! :)

    ResponderEliminar
  15. Vai correr tudo bem. Abraça o Dinis em ti, num abraço bem forte para que ele contenha essa vontade imensa de te conhecer por fora :) Vais ver que ele te compreenderá e esperará mais um pouco.
    Estou contigo :)
    bj

    ResponderEliminar
  16. Bem, que susto... descansa muito agora e que tudo corra pelo melhor :).

    ResponderEliminar
  17. Força! Vai correr tudo bem. Beijinhos grandes!

    ResponderEliminar
  18. O Dinis está apressadinho :) Vai tudo correr bem, o tempo passa num instante.

    ResponderEliminar
  19. Realmente cheguei a pensar que algo se passava, pois foram vários dias sem cá vires. Deve ser aflitivo passar por essa situação. Mas pensa que vai mesmo correr bem e o Dinis vai querer continuar no quentinho mais umas semanas. Força e um beijinho.

    ResponderEliminar
  20. Ui! Que susto! E é tão difícil repousar com um bebé ainda tão pequenino pela casa. É estar na cama com um barrigão e não poder dar colo, dar banho, dançar e rodopiar com o outro bebé. E eles acabam por ficar mais carentes... custa tanto esta dualidade de acudir aos dois bebés, mas é assim mesmo e, quando o mais pequeno nascer, este cenário vai ser uma constante.

    Rápidas melhoras. Já falta pouco :)

    ResponderEliminar
  21. Obrigada a todas pelas palavras. Há alturas em que nos sabem a "mel" e esta é uma dessas alturas! Obrigada! :)

    ResponderEliminar
  22. Não te preocupes...fala uma mãe de um prematuro de 33 semanas...rotura espontanea das aguas devido a uma bacteria e siga para a maternidade....O bebé esteve sempre muito bem, fizemos um ciclo de 48 horas de maturação dos pulmoes e depois nasceu....com 1,790kg e 43cm....esteve na incubadora até ter 2 kg e devo dizer que só perdeu muito poucas grama sno primeiro dia, depois foi sempre a engordar, e estivemos 3 semanas na maternidade até sua excelencia aprender a mamar...que têm o tempo dele como em todos os bebés...por isso não stresses se ele resolver sair mais cedo....não é a mesma coisa, os cuidados são a redobrar mas também não é um bicho de 7 cabeças...

    ResponderEliminar
  23. Beijinho gigante***
    Vais ver que ele vai continuar ai ate ao fim :)

    ResponderEliminar
  24. Émeélamiga

    Embora não te conheça (apenas te descobri pela Tim Tim...) daqui de Goa - onde estou há mais de um mês a antibióticos com uma infecção na perna esquerda - venho dizer-te que vai tudo correr bem e o Dinis vai dar um grande futebolista! Se já o é na barriga da mamã, que será quando for mais crescido? Quiçá um novo Cristiano Ronaldo?

    Qjs = queijinhos = beijinhos

    ResponderEliminar
  25. Fiquei de lágrima no canto do olho, não sei se é do estado de graça, felizmente já está tudo melhor, não sei se é só comigo mas esta 2ª gravidez tudo me preocupa mais nesse sentido.
    beijinho

    ResponderEliminar
  26. Mais uma vez obrigada a todos. Sabe muito bem todos estes mimos acreditem.

    Maria Rita ando muito mais sensível nesta 2.ª gravidez. Muito mais receosa... não sei se é por ter mais mais noção da realidade, do saber que nem tudo é mágico,... não sei. Mas sei que tudo vai correr bem! ;)

    ResponderEliminar
  27. Ainda bem que foi apenas um susto ML. Descobri o teu blog à relativamente pouco tempo e ainda me recordo do teu outro blog quando também tinha outro blog que já fechei... Na altura tinhas apenas o teu 1º filho e eu tb o meu 1º. Entretanto engravidei do 2º que nasceu em Out passado e uma 2ª gravidez tende sempre a ser tão diferente da 1ª eu logo no inicio fui amedrontada com varicela do meu marido (apanhou-a aos 39 anos) e eu na incerteza se tinha anticorpos ou não (muito baixos até) chorei tanto nessa altura, dormindo longe do meu marido e tentando ao máximo que o meu 1º filho não adoecesse (e não adoeceu)... Eu a partir das 30 semanas até às 41 fui-me arrastando literalmente, super cansada, cheia de desconforto... completamente diferente com o 1º... mas compensa tudo quando os temos nos braços ;o) que tudo corra bem e descansa sobretudo ;o)Beijinho

    ResponderEliminar
  28. M♥M Susana obrigada! :) beijinhos!

    ResponderEliminar
  29. Olá minha querida!!
    Já não vinha aqui há uns tempos e levei agora com estas noticias todas de supetão e acredita que entendo bem todos esses pensamentos!!Passei pelo mesmo como sabes, tinha na altura o meu baby, 32semanas+2dias. Quando fui a urgência e o médico disse que só saía de lá com o meu bebé nos braços fiquei doida!! tanta emoção e ansiedade, tudo misturado e ao mesmo tempo!!


    Fico muito feliz que tenham conseguido segurar esse traquina na barriguinha mais um tempo e entretanto já pode nascer :)
    Espero que corra tudo bem e desejo-te uma hora pequenina!!
    Muitas felicidades e parabéns atrasados pelos teus 35 aninhos :)


    ResponderEliminar

Design, coding and theme by Ana Garcês.
Três Quartos de Tudo © 2014-2016