9 de fevereiro de 2015

Publicidade e blogues.

Não tenho nada, mas nada contra a quem ganha a vida ou simplesmente alguns bens fazendo o mais diverso tipo de publicidade no blogue. No entanto, não posso deixar de sentir que quando em exagero me faz não voltar, ou voltar cada vez menos, ou ler o título e meia dúzia de linhas e ver que é (mais uma vez) publicidade e sair. Confesso que já descobri bons produtos, que testei e fiquei fã lendo posts publicitários. Mas foram mais as vezes que simplesmente fechei o browser. Porque vou à procura de uma partilha sincera de ideias sobre diversos temas que me interessam, vou à procura de sentires reais, de partilha de experiências sobre algo que estou a pensar, a viver, a sentir, e encontro ideias feitas, linhas pagas, que não me devolvem o que procuro: autenticidade. 

10 comentários:

  1. Concordo tanto! No início ainda lia um post e ficava a pensar que devia ser mesmo assim. Mas depois, ao navegar pelo feedly, via outros blogues a falar no mesmo, e basicamente com as mesmas palavras, a mesma opinião... Quase parecia um copy paste! Deixei de acreditar no que lia e, se antes procurava por opiniões sobre um produto em blogues, deixei de o fazer. E também deixei de visitar alguns blogues pelo exagero da publicidade. De facto, é como dizes: não há autenticidade.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  2. Concordo com tudo o que disseste ML. Por estas razões e por outras é que (por exemplo) o Blog da Carlota me tem desiludido....
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. É verdade. São muitas as vezes em que as opiniões parecem forçadas, e depois perdem credibilidade.

    ResponderEliminar
  4. Tb sinto o mesmo. Mas há de tudo: acredito que a quem recebe os produtos e faça posts personalizados, com opiniões fundamentadas e depois tens quem publica o que a marca manda

    ResponderEliminar
  5. Dina, também concordo. E acho que facilmente se consegue distinguir quem dá a opinião sincera e quem diz que sim a tudo.

    ResponderEliminar
  6. Tão verdade...
    Confesso que ao principio me deixei "perder" neste mundo de blogs... É fácil gostar do "bonito"... E depois fui mãe e fui descobrindo a verdade! Como que raio é que as casas, e quem diz as casas diz os miúdos, estão sempre tão bonitos e aprumados??? Houve alturas em que me questionei se estaria a fazer as coisas certas, se estava a falhar em alguma coisa... Um dia pedi desculpa ao meu marido por lhe ter pedido para trazer o jantar e por ele chegar a casa e esta estar um caos... Ele olhou para mim muito sério, abraçou-me e disse-me: Eu amo-te... mas a vida não é cor de rosa como nos filmes... ou como nesses blogs que eu te vejo a ver!!! Rimo-nos os dois... E desde aí foi um novo despertar!

    ResponderEliminar

Design, coding and theme by Ana Garcês.
Três Quartos de Tudo © 2014-2016