5 de setembro de 2016

Os segundos filhos crescem mas rápido, certo?


O tempo passa para todos de igual forma, é certo. Mas este meu pequeno príncipe está a crescer à velocidade da luz. À velocidade dos nossos dias, sempre com mil e duas coisas de adultos para fazer. E com muito pouco tempo para simplesmente parar e vê-lo crescer, e como ele cresce. Imita o mano em tudo, quer comer sozinho e pega muito bem na colher ou garfo e aí vai ele. Percebe tudo o que lhe dizemos e obedece muito bem a ordens simples: vai buscar os sapatos, dá-beijinho, dá xi, vai chamar o mano para comer a sopa,... Diz mamã, papá, vóvó e vô, papa, água, e tá na perfeição. Fala muito sozinho na linguagem dele, e continua a ser um apaixonado por música e dança. Queria ter mais tempo para registar estes momentos únicos em vídeo. Um dia vou gostar de relembrar o que a minha memória se vai esquecer. Já começo a ter saudades deste tempo de os ter debaixo das minhas asas. De os ver descobrir o mundo e as coisas, de os ver entretidos e felizes a brincar juntos e a rirem-se das asneirinhas que vão fazendo, no seu mundo encantado, no seu quarto da brincadeira.

[Nota-se muito que hoje é o meu último dia de férias, e amanhã regresso ao trabalho?]

9 comentários:

  1. O tempo voa! Mesmo! Mesmo estando em casa sinto isso! As vezes a mais velha quer brincar comigo e eu nunca consigo estar relaxada sem pensar em tudo o que tenho para fazer!! Força para amanhã!

    ResponderEliminar
  2. Deve ser uma maravilha vê-los a crescer, mas a saudade deve estar sempre presente!

    ResponderEliminar
  3. Crescem os segundos e os primeiros. Só tenho uma com 26 meses e é frequente questionar-me para onde foi a minha bebé...Foi tudo tão rápido. Dá saudades mas cada etapa tem os seus encantos, temos que tentar aproveitar da melhor forma. :)
    Bom regresso ao trabalho

    ResponderEliminar
  4. Não me digas isso, já acho que a minha cresceu à velocidade da luz estou para ver quando me aventurar pelo segundo. Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Confere...
    Sinto que o tempo esta a passar a correr...

    ResponderEliminar
  6. Não sou mãe mas gostei muito desse texto <3
    Parabéns pelo blog, já estou seguindo para poder acompanhar as novidades

    www.papomoleca.com.br

    ResponderEliminar
  7. Entendo-te muito, mas mesmo muito bem. Eu pequei imenso da segunda filha: registei muito pouco!

    ResponderEliminar
  8. Às vezes penso que faço poucos vídeos, quando comparado com a quantidade de fotografias. Porque os vídeos acabam por ser um tesouro importantíssimo no registo do crescimento deles. As fotos também o são, mas é de uma forma diferente.

    ResponderEliminar
  9. E os terceiros filhos?
    Crescem a uma velocidade atómica!

    Bjos,
    Paula

    Vida de Mulher aos 40"

    ResponderEliminar

Design, coding and theme by Ana Garcês.
Três Quartos de Tudo © 2014-2016